sexta-feira, 16 de maio de 2008

A lei do reconhecimento Mike Murdock


A lei do reconhecimento
Você foi criado para se relacionar. (Gn 2.18).Deus nunca lhe dará um presente que substitua a presença dele. É por isso que seu cônjuge não foi criado para produzir sua alegria. A presença de Deus é que produzirá alegria em você. Seu cônjuge é um presente de Deus para você.Esse presente tem os seguintes propósitos:

1.Proteger o seu foco
2.Reduzir suas distrações
3.Criar um clima de proteção

2 livros que o Mike Murdock está escrevendo:
I.Pense duas vezes antes de se casar com ele.
II.Pense duas vezes antes de se casar com ela.


1.Pense duas vezes se você não tem verdadeira paixão a oferecer.
2.Pense duas vezes se ela não tem verdadeira paixão para lhe dar em troca.
3.Pense duas vezes se suas realizações pessoais não produzem entusiasmo na outra pessoa.
4.Pense duas vezes se a outra pessoa não se sente cativada pelas coisas que cativam você.
5.Pense duas vezes se você perdeu o desejo de impressiona-la.
6.Pense duas vezes se a pessoa nunca faz perguntas relacionadas a seus maiores sonhos e objetivos.
7.Pense duas vezes se a pessoa ignora um conselho digno de orientadores qualificados.
8.Pense duas vezes se a pessoa ainda não impressionou o pastor.
9.Pense duas vezes se você não enxerga melhoria constante no relacionamento.
10.Pense duas vezes se a pessoa demonstra pouco sofrimento ou remorso quanto aos erros ou pecados passados.
11.Pense duas vezes se a pessoa gosta do clima e da atmosfera dos rebeldes.
12.Pense duas vezes se a atmosfera dos não-crentes empolga seu parceiro.
13.Pense duas vezes se a pessoa tiver obsessão em atrair a atenção do sexo oposto.
14.Pense duas vezes se infringir a lei é algo divertido e engraçado para o seu cônjuge.
15.Pense duas vezes se a outra pessoa demonstra pouco respeito quanto aos horários e à programação dos outros.
16.Pense duas vezes se quando estiver óbvio que você nunca se tornará o foco e o compromisso da outra pessoa.
17.Pense duas vezes se a outra pessoa costuma acusar você antes de ter ouvido seu lado da história.
18.Pense duas vezes se a outra pessoa não estiver saído de relacionamentos anteriores de forma pacífica.
19.Pense duas vezes se os pais da outra pessoa desprezam você ou seu compromisso de vida.
20.Pense duas vezes se a outra pessoa tem dificuldades para aceitar a autoridade de um líder espiritual.
21.Pense duas vezes se pequenos problemas causam montanhas de ira na outra pessoa.
22.Pense duas vezes se a outra pessoa se recusa a arrumar um emprego.
23.Pense duas vezes se os sonhos da outra pessoa não são grandes o bastante para motivá-la.
24.Pense duas vezes se a outra pessoa se sente desconfortável na presença de Deus.
25.Pense duas vezes se a outra pessoa se sente inferior a você.
26.Pense duas vezes se a outra pessoa não deseja compreender nem agradar você.
27.Pense duas vezes se houver conflito constante entre a outra pessoa e os pais dela.
28.Pense duas vezes se a outra pessoa retribui o favor de outros com ingratidão.
29.Pense duas vezes se a outra pessoa não tem anseio de conhecer a voz de Deus.
30.Pense duas vezes se você não se animar em apresentar a outra pessoa àqueles que você ama.
31.Pense duas vezes se a outra pessoa demonstra pouco respeito pelas batalhas que você venceu Pense duas vezes se a pessoa ao longo da vida.
32.Pense duas vezes se o diálogo com a outra pessoa se tornou enfadonho.
33.Pense duas vezes se a outra pessoa toma as decisões mais importantes da vida dela sem pedir sua opinião.
34.Pense duas vezes se o tempo que você passa com a outra pessoa sempre resulta em culpa ou frustração.
35.Pense duas vezes se as pessoas à volta de seu parceiro são de caráter duvidoso.
36.Pense duas vezes se a outra pessoa não está disposta a seguir seu conselho ou sua recomendação.
37.Pense duas vezes se você não admira nem respeita o mentor ao qual a outra pessoa se submete.
38.Pense duas vezes se você gosta da outra pessoa apenas nos momentos de fraqueza.
39.Pense duas vezes se a outra pessoa lhe dá conselhos contrários à palavra de Deus.
40.Pense duas vezes se a presença Pense duas vezes se a pessoa da outra pessoa não o motiva a atingir níveis mais altos de excelência.
41.Pense duas vezes se você não pode revelar à outra pessoa suas maiores fraquezas.
42.Pense duas vezes se você não pode confiar à outra pessoa suas finanças.
43.Pense duas vezes se você não pode confiar à outra pessoa suas lembranças mais dolorosas.
44.Pense duas vezes se você não pode confiar à outra pessoa seus maiores temores ou segredos.
45.Pense duas vezes se você não pode confiar na outra pessoa quando ela está com seus amigos mais íntimos.
46.Pense duas vezes se você não pode confiar na outra pessoa quando você estiver ausente.
47.Pense duas vezes se a outra pessoa não busca a Deus sem constante encorajamento.Nunca se apóie no relacionamento. Apóie-se no coração de Deus. Pergunte ao Espírito Santo o que ele vê nas pessoas próximas a você. Ele sempre revelará a verdade para aquele que o busca.Baseado no livro: A lei do reconhecimento, Mike Murdock.



Encontrei este resumo (no site abaixo) do livro maravilhoso do Dr.Mike Murdock, muito bom este livro recomendo a todos.


3 comentários:

Anônimo disse...

Este livro é um verdadeiro "manual de guerra", espiritualmente falando. Ele mostra teorias do "bom combate" o qual o apóstolo Paulo nos diz nas escrituras. Mudou minha vida, preciso dizer mais?!

Rose/São Paulo-SP

Anônimo disse...

Este livro é um verdadeiro "manual de guerra", espiritualmente falando. Ele mostra teorias do "bom combate" o qual o apóstolo Paulo nos diz nas escrituras. Mudou minha vida, preciso dizer mais?!

Rose/São Paulo-SP

Anônimo disse...

Livro muito bom. Eu consegui melhorar muito meu relacionamento social depois que o li. Ele ensina a lidar com as mais diversas situações, com muitos conselhos bíblicos. Ele é muito abrangente, com vários assuntos importantes. Tem um forte caráter prático. Ele é ideal para quem deseja seguir os ensinamentos bíblicos para uma vida cristã sadia.