domingo, 26 de outubro de 2008

A minha alma encontra refúgio em ti...


Todavia, estou de contínuo contigo; tu me seguraste pela minha mão direita.

Guiar-me-ás com o teu conselho e , depois, me receberás em glória.

A quem tenho eu no céu senão a ti?

E na terra não há quem eu deseje além de ti.

A minha carne e o meu coração desfalecem; mas Deus é a fortaleza do meu coração e a minha porção para sempre.



Meu estado de espírito (triste e ansioso) se acalma com as palavras do salmos 73/vers 23-26.
Às vezes minhas forças e alegria de viver desfalecem diante de tantas dificuldades, porém retroceder é covardia e não viver é decretar morte para os planos de Deus.

Nenhum comentário: