quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Um sábado especial....

Sábado uma noite muito especial, uma data para lembrar por toda a minha existência. Bom e depois dizem por aí que Deus não fala, pois é apenas uma força maior muito distante de tudo, exclusive de nós, pobres seres mortais. Sabe o que mais me chamou à atenção, o fato de na sexta-feira ter escrito (aqui mesmo neste espaço), algo sobre TEMPO, a reflexão sobre o tempo e como vivemos e como o aproveitamos. Ficou claro que lera tudo quanto havia escrito na sexta-feira dia cinco. Sempre agimos como se de nada Ele soubesse, quanta ingenuidade de nossa parte.

No primeiro instante confesso estava tão distante, alguns pensamentos não eram tão positivos ou animadores, não obstante Deus sempre nos surpreende e meio a condições que julgamos difíceis demais. Contudo confesso que todo quanto havia em meus pensamentos foi dito por ele, sobre o tempo e o controle ser somente de quem o criou. A palavra vinda do livro de Ester me animou desde então, pois a rainha Ester é exemplo de força, coragem e perseverança a qualquer situação se não a vida. Não havia nada a seu favor, se não a Deus, pois Ester era pobre, seus pais haviam falecidos e seu tio tutor cuidara dela como nos costumes e tradições judaicas. Provavelmente seu futuro se não conhecesse ao Senhor seria apenas mais uma, em nada conhecida, seria apenas uma mulher que vivera naquele tempo, sem fazer a menor diferença. Não obstante havia um plano em sua vida, que fora elaborada pela melhor escrita de toda existência, em folhas que não se desfaz com o tempo, a poeira e traça, em que o tempo obedece a suas instruções de dia e noite do seu Senhor. O grande Eu Sou já havia planejado tudo, claro que ha seu tempo... o que é melhor. Portanto uma jovem órfão crescia em graça e conhecimento diante de seu povo e seu Deus, para assim entender o que era fazer parte da descendência judaica, como seria crescer e ser uma judia. Por que embora seja de origem Judaica se nao criada nos moldes poderia se perder e não chamar à atenção do seu Senhor e logo do rei Assuero.


Bom vamos então imaginar a situação, Assuero era rei, com certeza com uma instrução, sabedoria ou conhecimento maior do que os de Ester, devido a sua posição social. Todavia Ester já atraia os olhares de Deus talvez por sua simplicidade, humildade e obediência, ou ainda porque fora escolhida desde que nascera, não obstante que tal resaltar logo a sua coragem e ousadia diante de dificuldades, que justo dizer, qualquer uma não passaria ileza se não tivesse o discernimento que Ester buscou diante de Deus. Assim como agradara aos olhos do Mestre seria obvio de que mais cedo ou mais tarde ela atrairia os olhares de sua promessa...o rei Assuero, para assim cumprir seu chamado e salvar o povo judeu. Mas saliento algo que ficara em meu coração.Claro na hora um único pensamento me sob reveio - Afinal como me tornar uma mulher sábia como a Ester? Como me desprender da situação e olhar com os olhos da fé. Como atrair de maneira fora do comum os olhos do Mestre e posteriormente do meu rei Assuero. Situações tão desfavoravéis e condição sobre natural viria a mim? Ou apenas acontecera a Ester? Creio que não apenas a Ester, pois ele disse é alfa o omega o princípio e o fim, portanto não muda, permaneci sempre o mesmo. Então vejamos analisemos por um instante. Ainda que sejamos tão diferentes e distintos, todavia temos algo em comum...a presença e vontade do Pai a nossas vidas, temos a mesma sede e vontade de ir de encontro aos planos de projetos dEle. Hora finalmente consegui me localizar e pude sentir meu coração "arder" e "transbordar" de alegria, que só entende quem vivência.


Embora queria explicar torna-se difícil, posto que o ato entende-se pelo sentir. Entretanto, ainda posso ouvir às palavras sábias daquele homem de Deus, posso sentir que a promessa está a cada dia perto, dando passos largos em minha direção, mal posso respirar já o sinto, meu Deus como pode, a tanto tempo perto de mim, diante dos meus olhos e não enxerguei...talvez porque não estivesse preparada é verdade, mas como trabalhas de maneira fora do comum, que não imaginamos ou pensamos. Quero aproveitar a cada tempo porque sinto que estou sendo moldada pacientemente há algo muito maior do que o meu coração pode sentir ou sonhar. Todavia os dias vão se tornando pequenos diante de tanto a que já esperei, por isso a ansiedade em fúria não me insista, pelo contrário o que antes me afligia foi dissipado, exterminado por completo. E ouço uma voz doce e suave me dizer: - Está perto... muito perto, espere apenas mais um poucochinho menos de tempo e entregarei a ti o que tanto desejas, o que tanto almeja o seu coração.


Ah se pudesse expressar minha felicidade ao ouvir aquelas lindas palavras, vindas de algo sobre natural e maravilhoso, uma pena não poder fazê-los sentir ou ouvir, porque estão ecoando a minha mente o tempo todo. No som suave do Espírito, algo que me visita constantemente, como se injetasse fé e ânimo em porção dobrada. Guardarei estas palavras na tábua do meu coração, como tantas que falara neste ano de 2008, apenas confirmando os teus planos e projetos para minha vida. Jamais esquecerei esta data tão especial, para marcar-lembrar sábado 06/12/2008 por volta das 22:00 h , ouvi a confirmação dos planos e projetos do Senhor para minha vida. O que dizer? Nada, pois não há como expressar em palavras. Apenas agradecer, agradecer e agradecer...pois a cada dia o TEMPO que fazes a mim Senhor.

Nota: apenas para registrar este sábado também muito especial, trazido de outro espaço tão ou mais especial que este, e logo, quando necessário juntar os fragmentos para testemunhar que grande é o Senhor e sua fidelidade dura para sempre, lembrando-se daqueles que esperam em ti com paciência. Apenas juntando fragmentos para reflexão rápida de uma realidade e futuro muito próximo, feliz e festejado desde já...

Nenhum comentário: