domingo, 27 de fevereiro de 2011

A Estrelinha Polar

.

De repente o mar fosforesceu, o navio ficou silente
O firmamento lactesceu todo em poluções vibrantes de astros
E a Estrelinha Polar fez um pipi de prata no atlâncio penico.


* Oceano Atlântico, a bordo do Highland Patriot,
a caminho da Inglaterra, setembro de 1938
.

.
Vinicius de Moraes

Nenhum comentário: