domingo, 6 de março de 2011

Ana-ME



.



" Feche os olhos e voe "


.





.


"Ao seu redor havia ruídos serenos, cheiro de árvores, pequenas surpresas entre os cipós. Todo o Jardim triturado pelos instantes já mais apressados da tarde. De onde vinha o meio sonho pelo qual estava rodeada? Como por um zumido de abelhas e aves.

.

Tudo era estranho, suave demais, grande demais."


[ in " Amor " de Clarice Lispector ]

2 comentários:

Tatiana Lazzarotto disse...

Ana, sou a Tatiana, dia 17 do blog dos 30, tudo bem? Seguinte, precisamos do seu e-mail pra incluir na lista. Passa pro Vlad: elmagovlad@gmail.com
Até!!!

Anônimo disse...

essa foto ficou muito doce... ana-me foi muuuuuito legal

lica